A Vitória de Trump e o Episódio de Os Simpsons

Não dá pra fugir: o assunto do dia foi a vitória inesperada de Donald Trump à presidência americana. O mundo reagiu com choque ao resultado da eleição de forma nunca vista antes. De fato, muitos não esperavam esse resultado, visto que Trump tinha quase ninguém a seu favor, não era nenhum pouco popular, as pesquisas apontavam desvantagem para ele, sua campanha foi centrada em torno de muita polêmica e a mídia não foi, em nenhum momento, "amigável" com ele durante o período de campanha. Parecia que estavam tentando fazer os americanos engolirem a candidata democrata Hillary Clinton (pelo menos até algumas semanas antes da eleição). Então, como pode ele ter vencido?

Como tenho dito desde 2010 neste blog, os EUA é controlado pelas elites (as quais chamamos de Illuminati etc.) - a figura do presidente seria apenas "simbólica" e as eleições apenas uma forma de fazer as pessoas pensarem que existe democracia. Dividir a população é um dos ingredientes principais para a manipulação e controle da sociedade, por isso é sempre necessário haver dois lados, um se opondo ao outro ferreamente (por milênios a religião tem funcionado para isso também), enquanto que eles controlam os dois. Por isso a esquerda política é tão importante quanto a direita. 

Visto que existem esses dois lados, algumas pessoas tendem a achar que um deles é o "bonzinho", enquanto o outro é o "malvadinho", mas isso não é verdade: democratas e republicanos só são diferentes no discurso, quando entram no gabinete, vemos as coisas tomando um rumo só; é como se fossem dois membros distintos regidos pela mesma cabeça. Durante anos, republicanos e democratas se revezaram no poder. Na verdade, é como se houvesse uma espécie de rodízio: quando as pessoas estão cansadas dos democratas, entram os republicanos em cena e vice-versa.

Então, não. Donald Trump não é um "tapa na cara dos Illuminati" como alguns têm dito, e isso será provado daqui alguns meses. Ele conseguiu chegar lá porque estava na hora dele de revezar a cadeira e ser usado como uma fachada para as elites que sempre operaram por trás, pois para elas, não importa quem estiver no poder; o importante é que estejam fazendo o que elas querem.

Simpsons

Depois do anúncio da vitória de Trump, a Internet foi varrida com vídeos que mostram um episódio de Simpsons do ano de 2000 que estaria "prevendo" a vitória de Trump. Assista ao vídeo a seguir.


Como eu sempre tento dizer para vocês, nem tudo o que é dito ser uma "conspiração" por aí é realmente verdade. Existem vários equívocos, desinformações ou até mesmo mentiras. Existem também muitas pessoas imaturas fazendo postagens que não têm o intuito de mostrar a verdade, mas apenas chamar a atenção.

O vídeo de Trump descendo a escada rolante que vimos acima realmente existiu e foi filmado pela ABC em 2015, após o anúncio da candidatura de Trump. Daí sim, cerca de um mês depois, ainda em 2015, Os Simpsons fizeram esse episódio chamado "Trumptastic Voyage", que mostra Trump na mesma situação da escada rolante. No entanto, o episódio só foi feito após a cena real... então isso não foi bem uma previsão, apenas uma imitação de um fato que ocorreu antes e um palpite que teve 50% de chance estar correto.

Este episódio é o "Trumptastic Journey" de 2015, e não de 2000.

Existe, de fato, um episódio de 2000 chamado "Bart to the Future" em que Trump é citado como o presidente dos EUA, mas o episódio que vimos no vídeo acima, mostrando o próprio Trump no desenho animado, não é o de 2000.

Por que eu estou falando isso? Porque eu quero que vocês se informem sobre conspiração, mas sempre da maneira mais apurada possível. Também não estou dizendo que o criador de Os Simpsons não tenha laços com a elite oculta e não teve a intenção de colocar Trump como presidente se já não soubesse de algo que não sabemos. Os Simpsons é uma série estranha, repleta de simbolismo oculto, e várias vezes pareceu de fato ter previsto acontecimentos bizarros como o 11 de setembro.

Para concluir, o que vai mudar com a subida de Trump à presidência? Pessoalmente, não acredito que ele vai fazer tudo o que prometeu, seria até mesmo anticonstitucional, mas tenho certeza que veremos mais do mesmo: mais da agenda dos ataques terroristas, mais da propaganda de medo do Estado Islâmico, mais da guerra religiosa, mais da agenda da guerra racial, mais da guerra no Oriente Médio e o mesmo discurso de sempre que pretende culminar em algo maior daqui a alguns anos. O que será?

fonte:http://danizudo.blogspot.com.br/
Share on Google Plus

Sobre Milton Bitbull

Esta é uma breve descrição no blog sobre o autor. Editá-lo, No html e procurar esse texto
Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial